SESC
SÃO PAULO
COMPARTILHANDO PÃO
PANIFICAÇÃO
LUIZ AMÉRICO
ROGÉRIO SHIMURA
PAPOULA
IZA TAVARES
FLAVIA MACULAN
PRESS

Sesc São Paulo promove reflexão alimentar na primeira edição do Experimenta! Comida, Saúde e Cultura

03 OUTUBRO,2017

 

O Sesc São Paulo, que desenvolve uma ação permanente com foco em cultura, educação, saúde, bem-estar e alimentação, elege o mês de outubro, em que se comemora o Dia Mundial da Alimentação, para reafirmar sua atuação como agente transformador de hábitos alimentares na primeira edição do Experimenta! Comida, Saúde e Cultura. Com realização simultânea em todas as suas 38 unidades, o projeto traz à luz diversas pautas e vertentes do universo da comida de verdade.

 

São cerca de 250 atividades que convidam o público a pensar, refletir e experimentar o alimento e suas interfaces com a saúde e a cultura, em e com todos os sentidos. Voltado para todos os públicos, o evento contempla também ações específicas para crianças e reúne filósofos, sociólogos, nutricionistas, artistas, pesquisadores e chefs de destaque no cenário nacional e internacional em torno do tema.

 

A história do Sesc está permeada de atividades, ações e programas no campo da alimentação em que o processo educativo está presente no dia-a-dia, nos serviços prestados, bem como em ações realizadas por meio de palestras, oficinas, workshops e bate-papos, com o intuito de despertar a curiosidade e o interesse pelo alimento, fomentando a difusão da cultura alimentar, além da sua importância para a melhoria da qualidade de vida. As ações proporcionam a interação e a troca de conhecimentos entre profissionais e público em ambientes informais e acolhedores, com atividades dinâmicas e interativas.

 

Com um histórico tão efetivo nesta área e uma relação real e comprometida com a segurança alimentar e nutricional, a saúde e a educação, o Sesc centraliza suas ações em um evento único e abrangente. Assim, celebra as práticas alimentares como uma dimensão estruturante dos valores e hábitos culturais que formam uma determinada visão de sociedade.

 

Para Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo, “O evento busca expandir as ações voltadas à prevenção e ao controle dos problemas alimentares e nutricionais, à ampliação da autonomia em torno das escolhas presentes no ato de comer e ao estímulo das práticas culinárias regionais, na perspectiva da promoção integral da saúde”. Miranda complementa: “O Experimenta! também amplia e aprofunda a reflexão sobre esta temática fundamental, acessando tanto necessidades naturais e fisiológicas quanto significados que convocam ao terreno do sensível.”

 

A primeira edição do projeto define seis principais eixos temáticos que norteiam oficinas, palestras, cursos e vivências. Cada um deles terá nomes de peso e atividades para toda a família, reforçando o empenho da instituição em promover qualidade de vida, acesso à informação, desmistificar temas e tratar o alimento enquanto ação educativa.

 

São eles:

 

COMER É CULTURA: aborda a centralidade do alimento e as “substâncias imponderáveis” que estão intimamente ligadas à cultura, história e tradição de cada pessoa. Destaque para as seguintes atividades:

 

O Gosto como Experiência - com o filósofo italiano Nicola Perullo e a chef Lis Cereja, no Sesc Pinheiros

 

Cozinha Inzoneira – com o sociólogo Carlos Alberto Dória, no Sesc Ipiranga

 

Arroz do “A ao Z” – discutido em diversas atividades na unidade do Sesc Taubaté

 

Comendo Comida, Comendo Cultura – com a chef Gabriela Brucoli e o pesquisador Helio Hintze, no Sesc Jundiaí

 

A SAÚDE ESTÁ NA MESA: são tantos os mitos e teses em torno da comida, que muitas vezes desconsideramos o conhecimento intuitivo sobre o que é alimentação saudável. Destaque para as seguintes atividades:

 

Quem Escolhe o Que Você Come? - com a chef e apresentadora Bela Gil e a jornalista Helena Jacob, no Sesc Bauru

 

Alimentação e Publicidade: Influência da Mídia Sobre o Hábito Alimentar – com a jornalista Francine Lima e a nutricionista Rosa Garcia, no Sesc Ribeirão Preto

 

Alimentação Saudável: Você Sabe o que Comer? – com a nutricionista Camila Borges, no Sesc 24 de Maio

 

Nutrição Esportiva e Marketing de Suplementos Nutricionais – com a especialista em Nutrição no Esporte, Tânia Rodrigues, no Sesc Interlagos

 

AQUI SE PLANTA, AQUI SE COME DIVERSIDADE: o cultivo de plantas comestíveis em áreas urbanas aponta para a realidade de muitas pessoas sem acesso adequado a alimentos frescos. As hortas urbanas contribuem para mudar esse cenário, ao sensibilizar a população para questões ligadas a alimentação, possibilitar a reconexão com a natureza e ampliar o acesso a hortaliças frescas e o cultivo de uma variedade maior de espécies, para além do que geralmente se encontra em supermercados. Destaque para as seguintes atividades:

 

Comer é PANC - com curadoria da nutricionista Neide Rigo e participação de Mara Salles, Ana Luiza Trajano (Instituto Brasil a Gosto) e Valderly Kinuppi, no Sesc Pompeia

 

Cheiro de Mato, Gosto de Fato – diversas atividades conduzidas pelo artista Jorge Menna Barreto, no Sesc Interlagos

 

Mini Horta Agroecológica - agricultores irão ensinar a montar uma horta em miniatura com respeito ao cultivo em biodiversidade, cobertura vegetal (serapilheira) e controle biológico de pragas, no Sesc Bom Retiro

 

Vila Ambiental - agricultores irão vender alimentos e participar de discussões com a jornalista Guta Chaves, o historiador Ricardo Maranhão e a chef Tanea Romão, no Sesc Vila Mariana

 

SE ESTÁ NA ÉPOCA, TEM NA FEIRA: comprar diretamente do agricultor ou em feiras livres contribui para o desenvolvimento socioeconômico de comunidades de agricultura familiar, responsáveis por 70% dos alimentos que consumimos. Destaque para as seguintes atividades:

 

Feira Agroecológica no Sesc Bom Retiro - com produtores agroecológicos do cinturão verde de São Paulo

 

Feira Agroecológica no Sesc Pompeia - Alimentos cultivados por agricultores familiares

 

Feira de Alimentos Orgânicos e Agroecológicos no Sesc Vila Mariana - promove o contato entre consumidor e produtor por meio do acesso a alimentos saudáveis, frescos, variados e da época

 

Feira de Produtores de Alimentos Orgânicos no Sesc Santo André - durante a feira haverá um bate-papo com o Grupo Quintal Orgânico e agricultores da região

 

V Feira Agroecológica e Cultural Rasgada de Sabores no Sesc Sorocaba - alimentos de base agroecológica e contato direto entre produtores e consumidores

 

Feira Orgânica no Sesc Santos - alimentos cultivados sem o uso de defensivos e pesticidas por produtores que praticam a agricultura sustentável

 

COZINHAR É PRECISO: cozinhar é uma forma de transmitir tradições, histórias e habilidades para futuras gerações e é também um passo importante para conquistar autonomia e saúde. Dentro desse assunto, palestras, oficinas e intervenções valorizam o diálogo entre o comer, o cozinhar e o resgate da importância dos alimentos frescos, nativos e tradicionais em nossa alimentação. Destaque para as seguintes atividades:

 

Compartilhando o Pão – série de oficinas com a curadoria do consultor gastronômico Luiz Américo Camargo e os padeiros Rogério Shimura, Papoula Ribeiro (Padoca do Maní), Marco Antonio Correa, Flávia Macula (Tøast); e Isa Tavares, no Sesc Santana

 

Saberes Tradicionais, Sabores do Dia a Dia – com profissionais como a nutricionista Fernanda Timerman, Hans Temp, da ONG Cidade Sem Fome, e os chefs Marcelo Corrêa Bastos, Bel Coelho e Kátia Lyra no Sesc Carmo

 

Prato Firmeza: Comida, Território e Afeto – com estudantes da Escola de Jornalismo Énois, idealizadores do guia Prato Firmeza: O guia Gastronômico das Quebradas, no Sesc Campo Limpo

 

Experimenta – Sabores de Piracicaba - jantar sensorial que irá aguçar a percepção e os sentidos dos participantes, no Sesc Piracicaba

 

CONEXÃO COMIDA: comer envolve cultura, economia, biologia, psicologia, meio ambiente, geografia, politica, religião. Considerar todas essas dimensões é importante para construirmos uma consciência crítica sobre nossas práticas alimentares. Destaque para as seguintes atividades:

 

Seminário – Desperdício de Alimentos e Desafios Nutricionais: Conflitos da Modernidade – com o economista Walter Belik, o agricultor Dercílio Puppin e a nutricionista Daniela Frozi, no Sesc Santos

 

Temos Fome de Quê? - com a nutricionista Ana Carolina Feldenheimer, no Sesc Itaquera

 

Sabores que Nascem - série de encontros que incluem nomes como os agricultores Patrick Assumpção e David Ralitera, a jornalista Alilin Aleixo e os chefs Bel Coelho, Angelita Gonzaga e Paulo Machado, no Sesc Consolação

 

Comer Pra Quê? - bate-papo com integrantes do movimento busca a mobilização dos jovens em torno da alimentação saudável, nas unidades Sesc Santos, Santo André e Centro de Pesquisa e Formação

 

Assim, o Sesc convida seus públicos para experimentarem novos alimentos, outras formas de produzi-lo e as diferentes maneiras de pensar e de relacionar-se com o universo da comida, sem perder de vista a valorização das tradições alimentares, bom como todo o contexto afetivo relacionado ao ato de comer, ao mesmo tempo em que consolida ações já desenvolvidas pela instituição ao longo de sua trajetória.

 

Programação completa em sescsp.org.br/experimenta

 

Portal Sesc SP: https://www.sescsp.org.br/

Facebook: SESC em São Paulo

Instagram: SESCSP

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

Foto: Geraldo Cruz/Sesc



< ANTERIOR
VOCÊ VAI GOSTAR
PRÓXIMA >